+ Notícias

  • Crédito: Getty Images

    Pivô do Utah Jazz anotou 21 pontos, 16 rebotes, 3 bloqueios, 2 assistências e 1 roubo de bola.

"Um sonho real", diz Gobert sobre vitória contra os EUA

França precisou tirar uma desvantagem no último período para garantir a vaga às semifinais
Por: Murilo - 12/09/2019 11:17:27

Na última vez em França havia enfrentado os EUA, durante os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016, saiu derrotada. Dessa vez, porém, Rudy Gobert, que estava presente no confronto anterior, quis garantir que o resultado fosse diferente.

No duelo válido pelas quartas de final da Copa do Mundo de Basquete, o pivô do Utah Jazz anotou 21 pontos, 16 rebotes, 3 bloqueios, 2 assistências e 1 roubo de bola em uma performance inesquecível: apesar do placar final marcar 89 a 79, a França precisou tirar uma desvantagem de 7 pontos no último período para garantir a vaga às semifinais.

"É uma vitória enorme. Sabíamos que seria um jogo difícil. Eles não nos deram nenhuma brecha, nada foi fácil, mas mantivemos o plano de jogo”, disse Rudy logo após a vitória.

Nos minutos finais, Gobert fez jus a fama de um dos melhores jogadores de defesa do planeta, sobretudo ao bloquear o companheiro de Utah Jazz Donovan Mitchell que, apesar de terminar o duelo 29 pontos, não pontuou no período final.

“Essas experiências apenas nos tornam melhores. Acho que isso tornará Donovan ainda melhor. Tenho um objetivo com a equipe nacional, mas também temos um objetivo com Utah. E estou empolgado com ambos”, ponderou o francês.

Para Gobert, porém, o importante agora é pensar nas semifinais. "[A vitória contra os EUA] Não significa muito se você não for campeão. Mas ainda é algo que sempre estará entre as maiores vitórias da minha carreira e uma das maiores vitórias no basquete francês, com certeza. Mesmo assim, agora temos que nos preparar para enfrentar a Argentina e sabemos que será um grande desafio”, disse.

"Às vezes você faz parte de equipes muito talentosas e outras que não são tão talentosas, mas são um grande grupo de amigos. Acho que temos os dois aqui. Nenhum de nós está aqui por dinheiro. Nenhum de nós está aqui por realização própria. Estamos aqui para vencer. É um sonho se tornando realidade”, concluiu o pivô.

 

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade